Não iria acusar um inocente sem mais nem menos, escreveu o relator do recurso, Luiz Soares de Mello, para reformar a aleatorio cam conversar com as meninas sentença e condenar o agressor a 8 anos de reclusão em regime fechado.
Em primeira instância, esses processos correm em segredo de justiça.O acórdão (decisão tomada por um colegiado) não foi unânime.Entenda a polêmica, a Lei.015/2009 criou no Código Penal a figura do estupro de vulnerável, tornando crime qualquer ato de cunho sexual com menores de 14, incluindo um simples beijo na boca.A lista de signatários incluía Jean-Paul Sartre, Simone de Beauvoir, Gilles Deleuze, Roland Barthes, Philippe Sollers, André Glucksmann e Louis Aragon.Os eventos, primeiramente noticiados pelo site "Mediapart ocorreram em 24 jeux video porno visiochat carretel de abril no subúrbio de Montmagny de Paris.Se fosse levar a lei ao pé da letra, teria que condenar e ponto final.O novo sistema adotado pelo Código Penal para os crimes sexuais dificulta um tanto o uso desta válvula de escape para o bom senso escreveu o relator, desembargador Miguel Pessoa, em decisão de 8 de março de 2012.Foi assim que as crianças da cidade cresceram após a "liberação" sexual: lidando com essas interações desconfortáveis, não cientes de que talvez estivéssemos escapando de algo pior.Basta que a vítima seja menor de 14 anos".Mas se a França continua relutante em definir uma idade firme de consentimento, isso provavelmente tem a ver com os vestígios persistentes de uma liberdade sexual idealizada.É permitido aos juízes dar novas interpretações às leis, o que, na prática, acaba criando direitos.Em regra, a palavra da vítima tem muita força sim" Fábio Aguiar Munhoz Soares, juiz da 17 Vara Criminal do TJ-SP Ainda assim, o G1 encontrou mais de uma decisão em que o juiz ou sexo sexo bate-papo com estranhos desembargador não confiou no que dizia a vítima.Depois, ele lhe disse para que ela não falasse para ninguém a respeito, a beijou na testa e pediu para vê-la de novo.Ele deplorava o crescente "peso" das leis "controlando" a sexualidade durante os séculos 19.Segundo o processo, ele alegou que cedeu à paixão e ao amor, pois suas intenções foram e são as melhores possíveis, inclusive com a intenção de casamento.
O veredicto provocou comentários indignados por parte de estudiosos, políticos e pelo público sobre a Justiça francesa ser incapaz de proporcionar justiça aos mais vulneráveis na sociedade.
Quando eu estava apenas sonhando com meninos da minha idade, eu já estava muito familiarizada com o efeito assustador de adultos se inserindo na minha vida íntima.

O réu estava em semiaberto, mesmo condenado a pena de 8 anos, quando a regra é o inicial fechado.
Foram precisos dois séculos para que crimes sexuais contra crianças passarem a considerados assim pela lei.


[L_RANDNUM-10-999]